Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DIZERES MEUS

DIZERES MEUS

04
Fev05

Angústia

dizeresmeus
s. f. 1. Espaço reduzido; estreiteza. 2. Carência, falta. 3. Estado de grande inquietude que parece apertar o coração. 4. Medic. Estenose. 5. Aflição, sofrimento. 6.Portugal. 7. Futuro
03
Fev05

À frente do seu tempo..

dizeresmeus
Há expressões nas quais não acredito, e esta é uma delas.
Não compro essa história de que "fulano é um homem a frente do seu tempo".

Ninguém está a frente do seu tempo. Todos somos fruto do tempo em que vivemos.

O que muda é que alguns interpretam a época em que vivem de uma forma diferente da maioria das pessoas, sendo por isso inovadores, mas nunca vivendo fora da época em que se inserem.
02
Fev05

Ano Novo, Mês Novo - Desejos Velhos

dizeresmeus
Estamos a menos de um mês de umas eleições, e semelhante perspectiva no início do ano tem que se notar nalgum lado.
Em vez de iniciar agora, apesar de um mês mais tarde, a escritura da mais que sabida lista de bons propósitos para o ano novo (sim, esses que nunca se cumprem, e que servem unicamente para constatar meses depois que, mais uma vez, voltámos a não cumprir os compromisos que nos propusémos), vou antes formular uma série de desejos bons imbuidos de um idealismo que é tão propício destas datas.
Com um pouco de sorte, estes desejos pré-eleitorais podem tornar-se realidade, graças à intermediação dos Reis Magos, porque o que é certo e sabido é que se não houver boas prendas, os desejos transformar-se-ão em apenas 'bons propósitos', cuja característica principal é o facto de nunca se cumprirem, como se fossem promessas de políticos em campanha eleitoral (sic). Será que seremos alguma vez cidadãos capazes de transformarmos estes velhos desejos em verdades exigíveis aos candidatos?
1. Desejo que as promessas sejam só proferidas quando sejam realizáveis.
2. Desejo que a classe política portuguesa cresça, se torne adulta e responsável.
3. Desejo que a campanha se centre no que se vai fazer com o país e não na vida privada dos candidatos
4. Desejo tanta coisa que nem sei mais o que desejar
5. Sou mesmo ingénuo, ou serei simplesmente um sonhador?

Pág. 4/4

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2005
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2004
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D